Aumentar o valor da visita ao Cristo Protetor em Encantado gera críticas nas redes sociais | Estúdio de Rádio 87,7 FM

Uma mensagem gerou muitas críticas na comunidade Encantado. O anúncio do aumento de 50% no preço da passagem do Cristo Protetor no meio da semana gerou não apenas comentários, mas também críticas nas redes sociais, incluindo o filho do idealizador da obra Gilson Conzatti e o prefeito de Encantado Jonas Calvi.

Levando para a mídia social, Gilson criticou claramente o aumento, afirmando:

“Hoje é um dia de tristeza e me pergunto por que meu pai partiu sem completar sua missão, especificamente Cristo Protetor. Quando a ideia da construção foi concebida, sempre se assumiu que a manutenção do Cristo se daria por meio de taxas de uso de elevador, aluguel de espaço comercial e venda de souvenirs e acessórios. Sempre se falava de fé, gratidão e devoção.

Aumentar o valor do acesso a Cristo em 50% não foi legal. Estou ciente do custo do trabalho, mas parece que perdemos a direção e a essência da renovação da fé. A obra em si traz turistas para Encantado e região, e isso movimenta a economia.

Claro que a construção é um sucesso, mas isso não nos dá o direito de sair da linha de partida do projeto Cristo Protetor, lançado em março de 2019. O mentor morreu e a ideia original parece ter morrido com ele.

Hoje novas mentes se juntaram ao projeto, aparentemente desconhecendo a história e o propósito do trabalho.

Se meu pai estivesse vivo ele estaria com a associação dirigindo esse trabalho e certamente NÃO aceitaria esse aumento de 50%. Calçar as sandálias da humildade é um exemplo a seguir, mudar de opinião não é pecado e corrigir erros e más atitudes não é uma atitude feia e sim uma atitude louvável, então quem sabe se tomaremos essa decisão negativa dessa exaltação e assim reconsideração urgente não perdemos o encanto de Encantada”.

See also  Exclusivo: Amazon Music destaca o gênero gospel com festivais, EPs e faixas especiais

Na mesma linha, o prefeito Jonas Calvi, sócio da associação, se manifestou por ser o Município de Encantado que pagará o maior valor gasto, juntamente com o Estado para a pavimentação do acesso, também nas redes sociais, contra a aumentar :

“Entendo que sem a obra e toda a estrutura, o aumento do valor da visita não se justifica.

E assim, como autarca, dirijo-me à associação responsável pela gestão do monumento para verificar a mais valia do acesso para visitas neste momento.

Futuramente teremos o Jardim do Acolhimento, local de contemplação construído pela Câmara Municipal, que será de livre acesso aos visitantes, em redor do Cristo Protetor.”

O valor recomendado é de 30,00 por pessoa.

Informações de rádio encantadas.

Receba novidades do estúdio via WhatsApp

Receba notícias do estúdio via Telegram

A Rádio Studio não se responsabiliza pelo uso indevido de comentários para qualquer finalidade feitos por qualquer usuário e tem total responsabilidade por violações de direitos próprios ou de terceiros, causadas ou não por esse uso inapropriado.

Leave a Comment

x