Como obter uma autorização de viagem

Como emitir uma autorização de viagem Os pais podem emitir uma autorização online para que seus filhos menores de 16 anos viajem sozinhos em voos domésticos.

O novo procedimento foi regulamentado este ano pela Corregedoria Nacional de Justiça e implementado pela Academia Brasileira de Notários, que reúne mais de 9 mil cartórios espalhados pelo país.

Anteriormente, para viajar desacompanhado, um menor de 16 anos tinha que preencher um formulário em papel que tinha que ser assinado e preenchido Ter firma reconhecida em cartório para, em seguida, apresentar às empresas de transporte.

A autorização de viagem eletrónica (AEV) permite agora realizar o procedimento de forma totalmente online através da plataforma e-notário, eliminando a necessidade de se deslocar ao cartório para diversos serviços.

Na plataforma, os pais podem realizar uma videoconferência com o notário, que, após confirmar a autorização para viagens por um determinado período ou para uma secção específica. Em seguida, é emitido um código QR para verificação, que pode ser mostrado nos balcões das companhias aéreas em um celular ou impresso em papel.

Dessa forma, a autorização pode ser revogada a qualquer momento pelo responsável legal e o código QR não funcionará mais.

No momento, a opção de Autorização Eletrônica de Viagem (AEV) está disponível apenas para voos domésticos. No entanto, a previsão é que a instalação seja expandida para voos internacionais e rodoviários e hidroviários, embora ainda não haja prazo para a expansão.

Desde 2011, por regulamento do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), as autorizações de viagem para menores podem ser emitidas extrajudicialmente diretamente nos cartórios. Em casos mais complexos, como conflitos entre os pais, pode ser necessária uma decisão judicial para permitir a promoção.


See also  Como você faz cuscuz nordestino temperado?





Leave a Comment

x