Como tomar decisões quando as opções são curtas

Cenários de desaceleração exigem uma avaliação cuidadosa ao tomar decisões

Embora a taxa de desemprego esteja caindo após fechar no menor nível desde 2015 em maio deste ano, segundo o IBGE, as dificuldades ainda estão sendo sentidas pelos trabalhadores. Segundo levantamento do Sebrae, 67% dos novos microempreendedores individuais (MEIs) tinham emprego fixo antes de 2020. Devido à crise causada pela pandemia, muitos optaram por trabalhar por conta própria, com mais de 6 milhões de novos MEIs alistados. O período de crise aguda mostrou que, diante do poder aquisitivo reduzido e sem outras alternativas, as pessoas foram levadas a se comprometer com o sustento de suas famílias.

O cenário econômico se mostrou, assim, um fator importante na tomada de decisões, pois momentos de crise reduzem as oportunidades e impedem que as pessoas escolham com mais liberdade o que farão na carreira e nos negócios. Uranio Bonoldi (foto), autor e especialista em tomada de decisão, aponta isso. “Se a economia vai bem, pode acontecer, por exemplo, que alguém prefira um trabalho que lhe traga mais satisfação pessoal, mesmo que o salário seja menor. Mas você não pode votar em uma crise. Ela escolhe o trabalho que paga as contas, mesmo que isso custe o bem-estar dela, o que não seria o ideal”, diz.

O autor retoma o tema no livro “Decisões de alto impacto: como tomar decisões mais seguras e conscientes em seu trabalho e negócios”, no qual apresenta seu próprio método de tomada de decisão. O trabalho também apresenta a diferença entre decisões classificadas como “fáceis” ou “difíceis” de acordo com os seguintes critérios:

  • SIMPLES: Você tem pouca liberdade de escolha, as consequências são de curto prazo e têm pouco impacto sobre o decisor e terceiros;
  • DIFÍCIL: Você tem ampla liberdade de escolha, as consequências são principalmente de longo prazo e têm alto impacto no tomador de decisão e em terceiros.
See also  O prazo para regularização do cartão escolar é 4 de junho; veja como fazer

No entanto, quando se fala em crise, coloca-se um elemento na Salão de decisões simples que podem ter um grande impacto e criar um paradoxo difícil de enfrentar. “Em situações estressantes, as decisões caem no leque de decisões fáceis porque têm pouca agência e consequências de curto prazo. No entanto, o impacto é alto, pois pode afetar a renda e até a sobrevivência do decisor e de terceiros”, diz Bonoldi.

Como ilustração, o autor cita o navegador Amyr Klink, que foi entrevistado para o livro. “Ele acredita que é muito mais fácil tomar decisões em alto mar do que selecionar investimentos sentado em uma mesa. “É uma questão de vida ou morte”, diz ele. Então é uma decisão simples, mas de grande impacto.” Segundo o autor, em momentos de crise e alta tensão, as decisões devem ser tomadas com maior frieza (isolamento do medo) e racionalidade. “É preciso escolher rápido para preservar a nossa vida e a dos que nos cercam”, enfatiza o escritor.

As alternativas que se apresentam em tempos de crise muitas vezes não são as mais desejáveis. Por exemplo, no cenário em que uma pessoa se encontra em um ambiente de trabalho tóxico e o mercado recua, ela pode se sentir dividida entre renunciar precipitadamente sob o risco de acabar em perigo, ou ser paciente e o trabalho Endure para obter uma alternativa melhor em um tempo mais conveniente. “Acontece que não estamos satisfeitos com a escolha que estamos prestes a fazer, mas se parece ser o caminho que causa menos danos a nós e aos que nos rodeiam, devemos segui-lo”, enfatiza Bonoldi.

As decisões não devem necessariamente ser tomadas rapidamente, se não forem fatais. “Mas eles absolutamente precisam ser considerados e feitos conscientemente”, diz ele. Em situações de crise, o foco das decisões deve ser qual alternativa garantirá o sustento para si e para os outros, mesmo que as decisões sejam temporárias. “À medida que o cenário econômico muda e novas oportunidades se abrem, as pessoas têm mais liberdade para escolher o caminho que realmente querem”, enfatiza o autor.

See also  Bolos na Airfryer: Veja passo a passo como fazer de forma rápida e fácil

Leave a Comment

x