Dovizioso descarta Superbike e define motocross como destino pós-MotoGP – MotoGP News

DO DOMÍNIO MARC MÁRQUEZ AO ZERO: A PONTA CABEÇA HONDA NA ALEMANHA

Andrea Dovizioso sinalizou que o motocross pode ser o destino depois do MotoGP. Aos 36 anos, o tricampeão da categoria rainha do campeonato mundial de motos descartou uma mudança para a classe de superbike e garantiu que queria colocar em prática seu projeto off-road.

Dovizioso voltou ao MotoGP na temporada passada depois de alguns meses sabático depois de deixar a Ducati. No entanto, o desempenho nunca foi o mesmo. Andrea ainda não conseguiu colocar as mãos na YZR-M1 da M1 e atualmente está apenas em 22º no Campeonato de Pilotos, com dez pontos, 162 abaixo do líder Fabio Quartararo.

LEIA TAMBÉM
# Quartararo quebra jejum de 13 anos da Yamaha com vitória no GP da Alemanha
# Honda termina corrida sem pontos pela primeira vez em 40 anos no MotoGP

É improvável que Andrea Dovizioso continue na MotoGP em 2023 (Foto: RNF)

CLASSIFICAÇÃO DE MOTOGP
▶️ Quartararo termina em terceiro e aumenta a liderança do MotoGP em 2022

No início deste mês, Andrea esteve em Misano para assistir à etapa do World Superbike, provocando rumores de um eventual interesse na série. No entanto, Dovi garante que não tem interesse em trocar protótipos por motos de produção, embora ache que isso pode ser competitivo.

“Superbike nunca foi uma opção”, disse Dovizioso. “Não estou dizendo que não estou interessado em derivativos de produção, mas a questão permanece quanto ao nível de competitividade que posso expressar”, continuou.

“Eu poderia ser competitivo, mas dada a minha idade e passado, não estou procurando novas aventuras. Não tenho que provar nada e prefiro me divertir no momento”, explica.

O italiano de Forli deu a entender que o futuro depois do MotoGP será off-road ao colocar em prática um projeto de motocross.

See also  Âncora do Jornal Nacional chora em obituário e deixa o Brasil de luto

“Gosto de motocross. É um setor empolgante onde posso dar vida a um projeto que tenho em mente.”

O MotoGP volta à pista na próxima semana para o GP da Holanda em Assen, etapa 11 da temporada 2022. GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do campeonato mundial de motociclismo 2022.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRAND PRIZE no YouTube: GP | GP2.

LEIA TAMBÉM
# Ducati amplia a classificação, adiando a escolha entre Bastianini e Martín para o assento de Miller em 2023
# MotoGP disponibiliza documentário “MotoGP Unlimited” no Star+ para América Latina
# Nakagami repete a culpa por ‘Bad Fall’, dizendo ‘eu realmente aprecio estar vivo’
# Oliveira diz que “se provou digno” de um lugar na KTM e agora procura “novas oportunidades”.
# Aleix Espargaró continua “livre” e vai à Disney com a família para “esquecer erros” na Catalunha
# MotoGP anuncia a adição do tricampeão Taveri à lista de lendas do GP da Áustria
# Mir diz que ainda está “à espera de uma explicação” da Suzuki e não vê a Honda “no seu estilo de condução”
# Yamaha confirma “colaboração de vários anos” com ex-chefe de motores da Ferrari
# Falando em Oliveira, RNF diz que almeja uma ‘combinação perfeita’ para 2023
# Quartararo faz o match perfeito, anulando o poder dos outros e dando mais um passo em direção ao bi

MILLER MANTÉM O STATUS, MAS VOLTA COM GO TO KTM NO MOTOGP

Acesse as versões em espanhol e português PT de GRANDE PRÊMIOao lado dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

Leave a Comment

x