Erasmo Carlos celebra Grammy Latino com “Melhor Álbum de Rock”

Tremendão conquistou mais uma estatueta com seu último álbum “O Futuro Pertence À… Jovem Guarda” lançado pela Som Livre

Erasmo Carlos
Crédito Guto Costa

Na noite de quinta-feira, 17 de novembro, Erasmo Carlos foi reconhecido na categoria Melhor Álbum de Rock ou Música Alternativa em Português na cerimônia do Grammy Latino 2022, realizada em Las Vegas, nos Estados Unidos. Mais uma vez representando o Brasil, o Tremendão recebeu a estatueta pelo seu mais recente álbum, O Futuro Pertence À… Jovem Guarda, lançado pela Som Livre em fevereiro. Erasmo Carlos coleciona seis indicações ao Grammy Latino e três estatuetas.

A artista não pôde comparecer à cerimônia, mas a alegria com a notícia do prêmio foi recebida com muito entusiasmo: “É tão importante entender o conceito quanto ouvir a música… e eu preciso de todos eles. Obrigado a todos que contribuíram para essa vitória, esse Grammy é um reconhecimento do nosso trabalho. O futuro é da Jovem Guarda!!!!!!”, explica Erasmo.

O álbum vencedor é um projeto de rock contemporâneo que reinterpreta clássicos da Jovem Guarda, reunindo oito faixas inéditas de Erasmo – ouça aqui. Projeto idealizado e coordenado por Léo Esteves, que imediatamente “convocou” Marcus Preto para a direção artística e Pupillo para a produção musical para dar a sonoridade aos sucessos gravados nos anos 60 que marcaram o cancioneiro nacional. Em nome da Som Livre, Humberto “Gregg” Bordallo e João Cantanhede lançaram-se logo ao sonho, acreditando que este projecto de regravação com o maior roqueiro brasileiro tinha tudo para ser um sucesso. “O Futuro Pertence À… Jovem Guarda” também conquistou uma exitosa turnê nacional que passou por RS, SP, RJ, MG, PR, entre outros.

Erasmo participou desta edição do Grammy Latino com as obras “Qvvjfa?” de Baco Exu Do Blues, “Sobre Viver” de Criolo, “Memories (De Onde Eu Nunca Segui)” de Lagum e “Delta Estácio Blues”. por Juçara Marcal.

Aos 81 anos, com 34 discos lançados (estúdio e ao vivo), o primeiro em 1965 e o último em 2022, e consagrado como um dos maiores nomes da história da música brasileira, Erasmo Carlos acumula seis indicações ao Grammy Latino que conquistou três vezes : na categoria Melhor Álbum de Rock ou Música Alternativa em Português com os álbuns “O Futuro Pertence À… Jovem Guarda” (2022) e “Gigante Gentil” (2014) e em 2018 quando recebeu o Prêmio de Excelência Musical da Academia Latina.

Artista em constante efervescência, efervescente, inspirado, Tremendão há 60 anos embala gerações com suas canções. São mais de 500 composições, refletindo a engenhosidade da Jovem Guarda e sua doce sugestão de mudança de comportamento à maturidade do presente, elevando Erasmo ao posto de gigante gentil da música brasileira. Além do Grammy Latino, Erasmo coleciona inúmeros outros prêmios em sua carreira. Em 2018 ganhou o prêmio UBC (União Brasileira de Compositores) de Compositor Brasileiro do Ano e no mesmo ano o álbum Amor É Isso foi classificado como 10º Melhor Álbum Brasileiro e um dos 25 Melhores Álbuns Brasileiros pela revista Rolling Stone Brasil Álbuns do primeiro semestre da Associação Paulista de Críticos de Arte. Em 2014 foi eleito o Homem do Ano em Música pela revista GQ, e ganhou outro Grammy Latino no mesmo ano.

Capa do álbum “O Futuro Pertence à… Jovem Guarda”

Sobre a Som Livre

A Som Livre é uma gravadora que faz parte da Sony Music Entertainment. Com sua capacidade única de entender e antecipar tendências, ele gerou e desenvolveu muitos dos maiores artistas e sucessos do Brasil nas últimas décadas. Ele também se apresenta em vários eventos, incluindo Festeja e Samba Demais.

Acompanhe a Som Livre nas redes:

site de som gratis

Instagram Som Livre

Facebook sem som

Twitter Som Livre

YouTube Som Livre

LinkedIn som livre

Leave a Comment