Ministro da Saúde discute situação da pandemia com presidente do STF

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, se reuniu hoje (17) com o presidente do Tribunal de Justiça Federal (STF), Luiz Fux, para discutir a possibilidade de mudar a situação de emergência no país causada pela pandemia de Covid-19.

“Hoje temos um cenário de desaceleração da Covid-19 no Brasil, em grande parte do país, e alguns estados e municípios já caminham para uma situação de controle. Nesse sentido, discutimos a questão da duração da emergência sanitária de interesse nacional”, disse.

Ele acrescentou que às vezes as pessoas “cometem o erro de transformar uma pandemia em endêmica”. “Não é prerrogativa do ministro transformar uma pandemia em endêmica. O ministro, nos termos da lei, determina a duração da emergência sanitária de interesse nacional de acordo com as normas internacionais de saúde”, disse.

Queiroga já se reuniu com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, e a Câmara dos Deputados, Arthur Lira, para esclarecer a intenção do governo de iniciar a transição para a categoria mais branda de emergência de saúde pública. A medida está sob investigação e foi anunciada no início deste mês pelo presidente Jair Bolsonaro.

Queiroga explicou que a mudança na classificação afetará os registros de emergência de algumas vacinas e medicamentos usados ​​no tratamento da Covid-19, que devem ser mantidos com a mudança. O procurador-geral da União, Bruno Bianco, também participou da audiência.

Marcelo Queiroga explicou ainda que a decisão de reclassificação será tomada com base na análise epidemiológica e avaliação das áreas técnicas do Ministério, Anvisa, Estados e Municípios.

“Nos últimos 15 dias tivemos uma diminuição no número de casos e mortes. Nossa campanha de vacinação é uma das mais importantes do mundo. O Sistema Único de Saúde (SUS) foi fortalecido com recursos orçamentários durante a pandemia”, disse o ministro.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) reconheceu a pandemia de Covid-19 em março de 2020.




Saber mais

+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comia carne. Confira o resultado

+ O que acontece no cérebro quando morremos? Os cientistas já têm uma resposta
+ A “pedra da morte” do Japão quebra após quase mil anos
+ Homem incendeia usuário de drogas em Belo Horizonte

+ Veja quais carros foram roubados com mais frequência em SP

+ Após mulher dizer que Gusttavo Lima é pai da filha, ela pode ser processada
+ Horóscopo: Confira a previsão de hoje para o seu signo do zodíaco

+ Omicron: sintoma inesperado de infecção em crianças preocupa equipes médicas

+ Vendedores do Mercadão de SP ameaçam clientes com fraude de frutas

+ O truque de espremer limões está viralizando nas redes sociais

+ Expedição identifica lula gigante responsável pelo naufrágio de 2011
+ Autoridades dos EUA alertam: nunca lave carne de frango crua


See also  ANP diz que reservas comprovadas de petróleo do Brasil crescerão 11% em 2021

Leave a Comment

x