“Os simuladores” voltam “com um filme incrível”, anunciou Paramount +

O filme sobre a icônica série argentina será lançado em 2024. (Paramount+)
O filme sobre a icônica série argentina será lançado em 2024. (Paramount+)

Apenas uma hora após a publicação do tweet, a notícia virou tendência: “Eles estão de volta. voltar Os Simuladoress com um filme incrível”, anunciou Paramount+ em sua conta oficial para a América Latina.

A querida e premiada série que foi ao ar originalmente na Argentina há 20 anos, e gerou remakes no México, Espanha, Chile e Rússia, entre outros países, terá sua versão cinematográfica que chegará aos cinemas, e depois à plataforma de streaming. a notícia, em 2024.

[Más series y películas que te recomendamos en Qué puedo ver]

Mário Santos (Frederico D’Elia) voltará a tratar de “logística e planejamento”, Emilio Ravena (Diego Peretti) de “caracterização”, Gabriel Medina (Martin Seefeld) de “pesquisa” e Pablo Lampone (Alexandre Fiore) de “técnica e mobilidade” para lidar, após 24 episódios da série original, com a resolução de problemas aparentemente insolúveis por meio de “operações de simulação” originais, como eles chamam.

Nada é estranho ao talento de Os Simuladores: convencer alguém de que o homem de quem você quer se separar é o não mais ultrafazer com que os proprietários de uma propriedade supervalorizada a vendam pelo preço certo, fazer com que alguém se inscreva em um falso reality show na selva ou conseguir que um prefeito corrupto pague um suborno. Em todos os casos, eles fazem uma análise exaustiva do problema para gerar soluções que combinam teatro e psicologia, além de direito e estatística.

O quarteto original se reunirá para resolver problemas mais intratáveis ​​de maneiras tão científicas quanto loucas.
O quarteto original se reunirá para resolver problemas mais intratáveis ​​de maneiras tão científicas quanto loucas.

Damian Szifron (contos selvagens), criador da série, ficará encarregado de realizar e dirigir o filme que será lançado 20 anos após a transmissão final deste título em seu país de origem. “Estou emocionado com a reconexão com personagens tão queridos, com os antigos companheiros de viagem que voltam a interpretá-los e com um público tão afetuoso e respeitoso que já inclui várias gerações”, disse.

See also  Vampeta se emociona e revela ao vivo a traição do ex-parceiro

Ele acrescentou: “Espero que possamos entregar um filme que mantenha o frescor da série original, incorpore a maturidade da experiência acumulada e expresse alguma ideia valiosa com o poder, a beleza e a qualidade cinematográfica que a oportunidade merece”.

Federico D'Elía voltará a trabalhar com o criador de "simuladores"Damian Szifron.  (Paramount+)
Federico D’Elía voltará a trabalhar com o criador de “The Simulators”, Damián Szifron. (Paramount+)

A história deste estranho quarteto de reparadores começou em 21 de março de 2002 no canal argentino Telefé: os sócios tornaram-se uma espécie de vigilantes anônimos (no último episódio Santos falou dele e de seus sócios como “um grupo de justiça paralela”) que, na fronteira da lei, e muitas vezes ultrapassando-o, com cotas iguais de graça e incorreção política, funcionam como uma agência de causas desesperadas.

O filme derivado desta série que ganhou sete vezes o prêmio mais importante da televisão argentina, o Martín Fierro, será produzido pela VIS (divisão da Paramount que cria conteúdo para a plataforma Paramount+) e K&S Films (que já trabalhou com Szifron dentro contos selvagense também produziu O clã e tempo corajoso)

CONTINUAR LENDO:

“Esta é uma carta de amor para pais e filhos”: Ryan Reynolds conversou com a Infobae sobre o projeto adãoseu novo filme
Conheça Mei Lee e todos os personagens divertidos de Interneto novo filme da Disney e da Pixar
Dirija meu carro: uma adaptação cinematográfica de Murakami que é indicada ao Oscar

Leave a Comment

x