Papa Francisco anuncia nova Constituição do Vaticano

Papa Francisco anuncia nova Constituição do Vaticano

Foto da The Vatican Media mostra o Papa Francisco abençoando uma criança ferida durante uma visita ao hospital infantil Bambino Gesu, em Roma, em 19 de março de 2022, na ala onde estão hospitalizadas crianças que chegaram da Ucrânia nos últimos dias – VATICAN MEDIA/AFP

O papa Francisco emitiu uma nova constituição no sábado que reestrutura o órgão de governo do Vaticano, introduzindo mais transparência financeira e abrindo-o para mulheres e leigos, cumprindo uma promessa que fez antes de sua eleição em 2013.

A nova constituição, que entra em vigor em 5 de junho, reforma partes da Cúria Romana (o governo do Vaticano) e substitui o “Pastor Bonus” promulgado em 1988 por João Paulo II.

As principais mudanças incluem a capacidade de mulheres leigas e católicas de chefiar departamentos do Vaticano e o estabelecimento de uma comissão consultiva de abuso sexual.

Os dicastérios (ministérios) da Cúria, que operaram a portas fechadas por décadas com financiamento, inicialmente relutaram em aceitar uma administração mais centralizada agora consagrada na nova Carta Magna.

– evangelização –

O documento contém muitas reformas que o papa argentino já implementou, mas também contém algumas novidades, como o desejo de expandir o catolicismo para além de seus 1,3 bilhão de fiéis.

Nesse sentido, a nova constituição “Predicado do evangelho” de 52 páginas cria um novo “Dicastério” para a evangelização, que o próprio Francisco presidirá.

Ao se tornar “evangelista-chefe”, o papa está causando uma “mudança tectônica em direção a uma igreja pastoral e missionária”, disse David Gibson, diretor do Centro de Religião e Cultura da Universidade Fordham, no Twitter.

Nesse sentido, o Papa diz que todo cristão batizado é um missionário.

“Devemos levar isso em conta na atualização da Cúria, cuja reforma deve garantir a participação de leigos e mulheres, inclusive em cargos governamentais e de responsabilidade”, disse.

See also  Coreia do Norte diz que responderá com armas nucleares se for atacada pela Coreia do Sul

“O Papa Francisco vem trabalhando em uma nova estrutura organizacional para o Vaticano há nove anos. É um aspecto importante de seu legado”, disse Joshua McElwee, do National Catholic Reporter, no Twitter.

– proteção de menores –

O texto, divulgado no nono aniversário do pontificado de Francisco, também acrescenta ao dicastério a Comissão do Vaticano para a Proteção de Menores – um órgão consultivo papal que supervisiona investigações internas sobre casos de abuso sexual clerical.

De acordo com o cardeal Sean O’Malley, presidente da comissão, este é um “progresso significativo” que adicionará peso institucional à luta contra um flagelo que aflige a Igreja em todo o mundo.

Para Marie Collins, uma vítima que fazia parte da comissão antes de 2017, quando renunciou pela forma como a igreja estava lidando com a crise, é um revés.

“A Comissão perdeu oficialmente qualquer aparência de independência”, disse ele no Twitter.


Saber mais

+ Omicron: sintoma inesperado de infecção em crianças preocupa equipes médicas

+ Vendedores do Mercadão de SP ameaçam clientes com acertos de frutas

+ Vídeo: Mãe é agredida nas redes sociais por usar roupa apertada para levar o filho à escola
+ Horóscopo: Confira a previsão de hoje para o seu signo do zodíaco

+ O que se sabe sobre a Fluorona?
+ O truque de espremer limões está viralizando nas redes sociais
+ ‘Monster Ichthyosaur’ é descoberto na Colômbia

+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comia carne. Confira o resultado
+ Veja quais carros foram mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável pelo naufrágio de 2011
+ Autoridades dos EUA alertam: nunca lave carne de frango crua


Leave a Comment

x